Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

© sem papas na língua

neste blogue digo o que fica por dizer nos outros lugares.

© sem papas na língua

neste blogue digo o que fica por dizer nos outros lugares.

19.12.20

uma alegria . I M E N S A

Ana de Deus

até há cinco minutos tanto eu como a minha mãe estávamos convencidas de que íamos passar a consoada as duas e os gatos. M A S . N Ã O !  a minha irmã e sobrinha estão a contar connosco. a minha irmã só chegou ontem a Portugal e só esta noite é que conseguimos conversar. ela não nos convidou, simplesmente assumiu que nós sabíamos. esta é a magia que me fazia falta. obrigada por tudo amiga doce. 

17.12.20

as mães não sabem tudo

Ana de Deus

hoje acordei às três e pouco da manhã e deixei a cama meio desmanchada, para deleite da minha gata que se deitou no lençol de flanela que tem o nosso cheiro. às onze da manhã a minha mãe levantou-se e veio ao meu quarto dar-me um abraço. e fechou a cama. desde então que a minha gata miava e andava de um lado para o outro num desvario. e acabava sempre na nossa cama à minha espera. então, após algumas sessões de andanças pelos sítios em que ela gosta que eu vá com ela, lembrei-me da nossa manhã e abri a cama. deitou-se logo e está finalmente em paz, a dormir no lençol de flanela.

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.